Preparado para um piquenique de Verão? Não é preciso trabalhar muito. Afinal, estás de férias, a dormir no hotel de Cristiano Ronaldo. Se o melhor jogador do mundo não tem de cozinhar quando viaja, tu também não.

Assim, eis o que podes fazer para apreciar um bom piquenique:

  • Pede à cozinha do hotel para preparar um almoço que possas levar contigo. Saladas e sanduíches são sempre uma boa ideia, e o Pestana CR7 tem dezenas de opções deliciosas.
  • Planeia com antecedência. Verifica como vai estar o tempo, assegura-te que o sítio onde queres ir está acessível e vê como lá chegar com a tua cesta de piquenique. Já sabes que a localização é importante!
  • Compra comidas fáceis de preparar, mas sempre deliciosas. Escolhe um pão fresco numa boa padaria, presunto, salmão fumado e queijo já fatiados, talvez algum sushi e, claro, fruta fresca de origem biológica. Assim não irás precisar de pratos nem facas.
  • Farto de sanduíches? Vai a uma loja gourmet e compra empadas ou mini tartes, croquetes, sardinhas, uma mistura de frutos secos, legumes secos cortados e um dip. Acrescenta umas batatas doces fritas e umas bolachas de água-e-sal de boa qualidade et voilá!
  • Bebe água aromatizada com limão, framboesas ou pepino, chá gelado, infusões ou sumos de fruta – sabem sempre melhor ao ar livre. Também podes comprar um bom vinho português ou cerveja artesanal.
  • Pede alguns cubos de gelo e uma mala térmica emprestada para manter tudo fresco e saudável. Leva uma toalha.
  • Diz não ao plástico de uso único. Prefere utensílios biodegradáveis ou em metal. Limpa tudo depois de comeres.

E onde ir?

piquenique
Photo by Jessica Ruscello on Unsplash

Em Lisboa, há imensos sítios onde podes estender a toalha.

O Jardim da Estrela,  a Tapada das Necessidades e o Parque das Nações têm relvados lindos e árvores grandes que garantem uma boa dose de sombra.

Se preferes ter bancos para te sentares e uma mesa propriamente dita, encontras parques de merendas no Jardim da Cerca da Graça (com vista para o castelo) e no Parque do Alvito, em Monsanto. Aqui até tens um grelhador e forno a lenha, por isso podes mesmo cozinhar!

Queres vista para o lago? Experimenta o Campo Grande, onde podes andar num barco a remos depois de comer; ou o Parque Eduardo VII, com a sua belíssima Estufa Fria.

Também é possível ir até uma das magníficas praias de Lisboa para fazer um piquenique. Apanha o comboio até Carcavelos ou o autocarro até à Costa de Caparica. Pergunta ao nosso simpático pessoal como lá chegar.

piquenique
Photo: s-o-c-i-a-l-c-u-t – unsplash

O Funchal está cheio de restaurantes irresistíveis, mas se queres explorar a deslumbrante natureza da ilha, é melhor levares alguma comida contigo.

Caminhar nas levadas é uma atividade imperdível na Madeira, e também a oportunidade perfeita para apreciar um piquenique rodeado de árvores antigas.

Quanto mais alto, melhor a vista? Apanha o autocarro e vai até ao miradouro de Cabo Girão. Por outro lado, a Bica da Cana (Ponta do Sol) tem a vantagem de uma cozinha ao ar livre. No Ribeiro Frio (Santana) há um viveiro de trutas perto da área de piqueniques. E se gostas de uma refeição à beira-mar, explora a revigorante Promenade do Lido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*

RESERVE JÁ